Inteligência Socioambiental Estratégica da Indústria do Petróleo na Amazônia

  “Aningais estão em extinção na Amazônia”

Esta é a afirmação da pesquisadora da área de Solos do Projeto Piatam, Eliene Cruz. De acordo com o trabalho intitulado Os aningais: um tipo de vegetação quase extinta nas cidades amazônicas, desenvolvido por Cruz, a aninga ainda apresenta pequenas amostras nos igarapés, como o da Cachoeirinha, Mestre Chico e do Quarenta, em Manaus. Em razão do crescimento desorganizado e da ocupação sem a devida preocupação com os biomas, esta vegetação está desaparecendo.

A aninga é característica da região amazônica, encontrada em solos de várzea, porém quase extinta nas cidades, principalmente no Amazonas. Esse tipo de vegetação forma grandes populações às margens dos igarapés, podendo ocorrer em áreas chamadas várzeas altas. Essas grandes populações são denominadas de aningais.

Os aningais apresentam uma importante função ecológica, por formarem ilhas aluviais que são responsáveis pela filtração das águas dos estuários amazônicos, além de ajudarem na oxigenação dos ambientes de várzea. Das nove comunidades estudadas pelo projeto Piatam no trecho do gasoduto Coari-Manaus, apenas Santa Luzia do Buiuçuzinho está fora do escopo do trabalho, por ser área de terra firme.

Entre as buscas feitas nos herbários no Instituto de Pesquisa do Jardim Botânico do Rio de Janeiro para o desenvolvimento da pesquisa, foi encontrada uma coleção com amostras coletadas em Manaus, no ano de 1999, no Igarapé do Crespo. A coleção apresenta ainda exemplares de outras cidades do Amazonas e de outros Estados da Amazônia. Além do Jardim Botânico, o Instituto Agronômico possui amostras da mesma espécie, coletas no município de São Gabriel da Cachoeira em 1945.

Durante a pesquisa, foi realizado levantamento de dados nas bibliotecas para identificar trabalhos feitos na área. Para o processo de análise, foram feitas buscas nos herbários do Instituto de Pesquisa da Amazônia, na coleção botânica do museu Emilio Goeldi e em demais coleções.

A pesquisa Os aningais: um tipo de vegetação quase extinta nas cidades amazônicas será apresentada no dia 14 de julho, às 14h30, no Tropical Hotel Manaus, durante o XII Congresso Brasileiro de Arborização Urbana, de 13 a 16 de julho.

PIATAMzinho – Além do estudo, o Piatam também levará ao Congresso, no dia 16 de julho, o jogo Amazônia Brasileira – Uma Excursão do Piatam e o PIATAMzinho, um site infantil direcionado a crianças em idade escolar e desenvolvido para explicar, de maneira simples, o que é e como funciona o Piatam. Além disso, o site também dá enfoque à educação ambiental, contendo informações sobre a Amazônia, sua biodiversidade, as pesquisas realizadas e sobre as atividades da indústria do petróleo no Amazonas. Duas escolas da rede municipal de ensino participarão desta atividade.

Sobre o Piatam – O Piatam é um grande projeto de pesquisa socioambiental criado em 2000 para monitorar as atividades de produção e transporte de petróleo e gás natural oriundos de Urucu, a maior província petrolífera terrestre brasileira, localizada em plena floresta amazônica. Reunindo cerca de trezentos pesquisadores, o Piatam é executado pela Universidade Federal do Amazonas, em parceria com Fucapi, Inpa e Coppe, e financiado por Finep e Petrobras. Mais informações em www.piatam.ufam.edu.br.


Contatos: Assessoria de Imprensa – Piatam
Tatiana Costa – 2125-6587/ 8119-9713/ tatianapcosta@gmail.com




AltSoluções Interativas